Conecte-se Conosco

Bolsonaro prefere silêncio da ditadura e teme barulho da democracia, diz Rosa Neide

Publicado

em

 

A deputada federal Professora Rosa Neide (PT) afirmou que a ameaça do presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) de utilizar a Lei de Segurança Nacional contra o ex-presidente Lula só comprova o “autoritarismo de político que se declara saudosista da ditadura militar”. A parlamentar garantiu que a liderança do PT já está se movimentando para acionar instituições como o Supremo Tribunal Federal (STF) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para combater essa tentativa do presidente de promover o “estado de exceção”.

O uso da Lei de Segurança Nacional foi cogitada por Bolsonaro na segunda (11) após Lula afirmar que vai rodar o país denunciando o “desmonte do Estado e a perda da soberania nacional promovidos pela atual gestão”. A declaração do presidente da República foi feita em entrevista ao site O Antagonista.

“O presidente Lula foi solto e, como qualquer brasileiro, tem direito a expressar seus posicionamentos políticos. Bolsonaro teme o barulho da democracia, porque prefere o silêncio da ditadura. O PT já está tomando as medidas cabíveis para assegurar a livre manifestação de Lula. Para quem declarou que Lula não merecia resposta, até que a reação veio bem rápida. É porque Bolsonaro sabe, Lula fala no coração do povo com uma mensagem de esperança”, declarou Rosa Neide.

Lula deixou a prisão política na última sexta (08) após 580 dias encarcerado. O alvará de soltura foi expedido com base na decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que restabeleceu o direito de defesa e a garantia do trânsito em julgado, vetando a prisão após condenação em segunda instância. (Com RDnews)

Assessoria de Imprensa

Tags:
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Vamos conversar?