Conecte-se Conosco

Comissão Externa ouve, nesta quarta-feira, especialistas sobre as queimadas no Pantanal

Publicado

em

Professora Rosa Neide, em evento da Comissão Externa, no Mato Grosso, nos dias 19 e 20 de setembro. Foto: Lula Marques

Com o tema “Queimadas no Pantanal: estudos, situação e prognósticos”, a Comissão Externa designada pela Câmara dos Deputados para fazer acompanhamento do desastre ambiental que coloca em risco o Pantanal mato-grossense, dá início, nesta quarta-feira (30), às audiências públicas para debater que providências podem ser tomadas no sentido de salvar um dos biomas mais importantes do planeta. O colegiado é coordenado pela deputada Professora Rosa Neide (PT-MT).

“Nessa primeira audiência pública vamos ouvir as universidades, pesquisadores, para começarmos a analisar a questão do bioma Pantanal. O Pantanal em chamas, sem o apoio necessário do governo federal. Mas, neste momento, nós da Comissão Externa vamos nos debruçar sobre essa questão, ouvindo todos os interessados para que outra tragédia como essa não venha mais a acontecer”, afirmou Rosa Neide.

A deputada disse ainda, que o foco da Comissão Externa é melhorar as políticas públicas em relação à proteção dos biomas. Para Rosa Neide é preciso discutir quais são as políticas que podem contribuir para que “homens, mulheres, animais e vegetais continuem sobrevivendo no Pantanal mato-grossense”.

De acordo com Rosa Neide, os debates vão servir para que se possa preservar esse santuário chamado Pantanal. “Para que esse patrimônio natural da humanidade se transforme em condições de vida para muitos, como o turismo e a produção sustentável que não destrua aquilo que a natureza tão bem construiu tornando esse espaço um grande paraíso”, orgulhou-se a professora.

Programação

A audiência pública ocorre amanhã, às 9h30, e tem como convidados, o professor do Instituto de Física da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), José de Souza Nogueira; Prof. Dr. Claumir César Muniz e Profa. Dra. Solange Ikeda Castrillon, representando a Universidade do Estado do Mato Grosso (UNEMAT); analista ambiental do IBAMA – Prevfogo/Mato Grosso do Sul, Alexandre de Matos Martins Pereira; pesquisadora do Instituto de Pesquisas Espaciais (Inpe), Izabelly Carvalho da Costa; coordenador Substituto do Programa de Queimadas do Inpe, Dr. Alberto Setzer; pesquisador Embrapa Pantanal, Dr. Walfrido Moraes Tomas e o Prof. Dr. Geraldo Alves Damasceno, da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul.

PT na Câmara

Tags:
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Vamos conversar?