fbpx
Conecte-se Conosco

Deputada participa da abertura do 10º Congresso Internacional de Diversidade Sexual e de Gênero

Publicado

em

A deputada federal Professora Rosa Neide (PT) participou nesta sexta-feira (26) à tarde, da abertura virtual do 10º Congresso Internacional de Diversidade Sexual, Étnico-Racial e de Gênero (CINABEH), organizado pela Associação Brasileira de Estudos de Homocultura (ABEH). O evento presencial seria realizado na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) em 2020, mas foi transferido para março deste ano devido à pandemia.

Rosa Neide saudou a mestre de cerimônia Lopita Amorim, os pesquisadores, professores e estudantes e ressaltou que este momento de dor, devido à explosão de casos e mortes pela Covid-19 no País aponta para a necessidade da sociedade refletir sobre as relações humanas. “Esse Congresso é muito relevante neste momento, porque todos e todas precisam mais do que nunca lutar por um País e um mundo mais justo, democrático, diverso, livre e plural”, disse.

A parlamentar elogiou a UFMT por sediar o Congresso. “A Universidade cumpre seu papel quando abraça a diversidade. Temos que educar e sermos educados em Direitos Humanos. Essa educação se faz a partir da pesquisa e da ciência por uma sociedade radicalmente democrática e includente, pelo combate a todas as formas de preconceito”, afirmou.

A presidenta da ABEH, Bruna Irineu agradeceu à deputada pelo apoio à realização do Congresso e à produção de pesquisas cientificas, que serão apresentadas no evento. “Professora Rosa Neide é nossa representante na Câmara. Defensora contundente da Educação, dos Direitos Humanos, da igualdade e da diversidade”, afirmou.

O reitor da UFMT, Evandro Soares citou que a Universidade tem como missão dar voz a diversidade. “Todas as vozes da sociedade precisam ser ouvidas. A academia precisa produzir conhecimento voltado para o desenvolvimento do nosso Estado e País, mas desenvolvimento com justiça social, respeito às diferenças e promoção dos direitos da diversidade”, afirmou.

Para o coordenador do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UFMT, campus Cuiabá, Yan Nogueira, o debate acadêmico é imprescindível ‘em tempos tão sombrios como vivenciamos no País’. Segundo ele, “o campo dos estudos de gênero e sexualidade é um fundamental para o reconhecimento e promoção dos direitos da população LGBTQIA+ e das mulheres”.

Sobre o CINABEH

A ABEH é uma entidade sem fins lucrativos que tem como principal proposta fomentar e realizar intercâmbios e pesquisas sobre a diversidade sexual e de gênero. Ela congrega professores/as, alunos/as de graduação e pós-graduação, profissionais, pesquisadores/as, ativistas e demais interessados/as nas temáticas das sexualidades e gêneros. Nos anos de 1999 a 2001, foram realizados os três primeiros encontros do grupo que depois iria fundar a Associação Brasileira de Estudos de Homocultura. Esses encontros tiveram uma participação maior de pesquisadores/as na área das letras, literatura e comunicação.

A partir daí, houve grande incentivo aos estudos e pesquisas que deram visibilidade às expressões e discursos sobre as sexualidades e gêneros não normativos no Brasil e no exterior. Esse movimento se repetiu no crescimento, na estruturação da ABEH e nos temas de seus congressos.

A ABEH realiza bianualmente seu Congresso Internacional de Diversidade Sexual e de Gênero (CINABEH), que tem sua décima edição sediada em Cuiabá, no ano de 2021, na Universidade Federal de Mato Grosso.

Confira abaixo a programação do 10º CINABEH

 

Volney Albano

Assessoria de Imprensa

Deputada Federal Professora Rosa Neide (PT-MT)

Tags:
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Vamos conversar?