Conecte-se Conosco

Rosa Neide participa da reunião do Diretório do PT-MT e destaca organização para 2020

Publicado

em

Carlos Maranhão

A deputada federal Professora Rosa Neide (PT) participou no sábado (15), em Cuiabá, da reunião ordinária do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso (PT-MT). A atividade reuniu mais de 200 pessoas e contou com palestra da presidenta nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR). O presidente do PT-MT, deputado estadual Valdir Barranco, o líder do PT na Assembleia Legislativa, deputado Lúdio Cabral e representantes do PSB, PCdoB, PDT e Movimentos Sociais, também participaram do evento.

Em sua fala, Gleisi Hoffmann destacou o fracasso da política econômica do governo Bolsonaro, bem como as fraudes jurídicas praticadas pela Operação Lava Jato e reveladas desde o domingo (09), pelo site The Intercept Brasil.

“Está provado o conluio entre o então juiz Moro e os procuradores da Lava Jato, liderados por Deltan Dallagnol. O conteúdo das conversas que os mesmos mantinham em aplicativo de mensagens, reveladas agora pelo The Intercept, provam a atuação ilegal deles. Essas revelações colocam em xeque o principal sustentáculo do governo Bolsonaro, que é a Operação Lava Jato”, afirmou Gleisi.

A deputada pelo Paraná afirmou ainda, que a ‘Economia Brasileira está no chão’, com mais de 13 milhões de desempregados e a volta da fome “e até o momento governo não apresentou uma única medida que promova a retomada do crescimento. Pelo contrário, só promove desmonte”, disse.

Em sua intervenção, a deputada Rosa Neide (PT) destacou o processo de organização do PT em Mato Grosso visando a ampliação da presença do Partido nas Câmaras Municipais e Prefeituras, a partir do pleito eleitoral de 2020. “Queremos ampliar a eleição de vereadores e vereadoras, prefeitos e prefeitas e vices no ano que vem”, disse.

Rosa Neide citou que os ataques promovidos por Bolsonaro, aos direitos historicamente conquistados pelos trabalhadores e trabalhadoras, como a PEC 06/2019 que acaba com a Aposentadoria, é uma oportunidade para o PT mostrar ao povo, as diferenças de projeto de país. “O Brasil que nós construímos era de oportunidades, era de inclusão da população e não esse de desmonte e desemprego. Temos de dialogar sobre isso com o povo”, afirmou.

Os deputados Barranco e Lúdio; o presidente da CUT-MT, João Dourado e secretário de Movimentos Populares do PT-MT e primeiro suplente de deputado estadual, Henrique Lopes também fizeram pronunciamentos na reunião. Na sequência houve o debate e votação da Resolução Política, que apontou os rumos do partido no Estado para o próximo período.

Assessoria de Imprensa

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Vamos conversar?