Conecte-se Conosco

Rosa Neide promove o lançamento da 20ª Semana Nacional em Defesa da Educação Pública

Publicado

em

A deputada federal Professora Rosa Neide (PT) promoveu na Comissão de Educação da Câmara, o lançamento da 20ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública. Rosa Neide coordenou em parceria com o deputado Waldenor Pereira (PT-BA) a audiência de lançamento da Semana, que ocorreu na segunda-feira (10.04).

Em discurso, a petista destacou que há 20 anos a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) promove a Semana Nacional, com o objetivo de chamar a atenção da sociedade para as pautas da Educação Pública. Rosa lembrou que o principal projeto em tramitação na Comissão de Educação, atualmente, é o Novo Fundeb.

“Até 2020 Estados e municípios terão acesso aos recursos financeiros do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Cabe agora aos deputados e deputadas da Comissão de Educação se debruçarem sobre a PEC 15/2015 que cria o novo Fundeb, para que possamos aprova-lo na Casa”, afirmou a deputada, lembrando que é vital que o Fundo seja aprovado para seguir financiando o Ensino Público no Brasil a partir de 2021.

A parlamentar citou que as atividades da Semana terão entre outras tarefas, essa finalidade nesse mês de abril: promover a discussão sobre a manutenção do financiamento da Educação. “A sociedade brasileira exige que a Educação seja pública, gratuita e de qualidade, mas para isso é vital a continuidade do seu financiamento”, afirmou.

O presidente da CNTE, Heleno Araújo, falou sobre a importância dos alunos, professores e comunidade escolar participarem das discussões que a Semana promoverá. “Estamos vivendo um momento crítico de retirada de direitos e a sociedade precisa se apropriar dessa realidade para poder intervir o quanto antes. A Semana Nacional de Educação da CNTE tem como objetivo denunciar os descasos com a educação pública, os retrocessos e os perigos das medidas que estão sendo tomadas em sentido contrário aos direitos assegurados na Constituição Federal”. (Com CNTE)

Assessoria de Imprensa

Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Vamos conversar?