fbpx
Conecte-se Conosco

Rosa Neide requer Comissão Externa para acompanhar investigações sobre desaparecimento de jornalista e indigenista

Publicado

em

Foto: internet

A deputada federal Professora Rosa Neide (PT) protocolou nesta terça-feira (07), na Câmara, Requerimento 980/2022, que solicita “a criação de Comissão Temporária Externa, com ônus para esta Casa, para acompanhar in loco, no Estado do Amazonas, as investigações e providências adotadas em relação ao desaparecimento do jornalista inglês Dom Philips e do indigenista Bruno Araújo Pereira”.

O Requerimento também assinado pelos deputados Reginaldo Lopes (PT-MG), Airton Faleiro (PT-PA), Nilto Tatto (PT-SP) e Zé Ricardo (PT-AM) informa que ‘em 05 de junho de 2022, o indigenista e o jornalista desapareceram em trajeto entre a comunidade Ribeirinha São Rafael e a cidade de Atalaia do Norte, quando voltavam de barco da expedição realizada na Terra Indígena Vale do Javari, pelo rio Itaquaí. Ambos foram dados como desaparecidos na Floresta Amazônica na segunda-feira (06)’.

Os parlamentares citam ainda que, “de acordo com a União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja), os dois desaparecidos se deslocaram com o objetivo de visitar a equipe de Vigilância Indígena que se encontra próxima à localidade chamada Lago do Jaburu (próxima da Base de Vigilância da FUNAI no rio Ituí), para que o jornalista visitasse o local e fizesse algumas entrevistas com os indígenas”.

Phillips e Pereira passaram alguns dias na região, onde Phillips entrevistou indígenas sobre as invasões ao território. Indígenas dizem que a dupla sofreu ameaças durante os trabalhos e que o indigenista Bruno Araújo Pereira, experiente e profundo conhecedor da região, era ameaçado por madeireiros, garimpeiros e pescadores. Dom Phillips mora em Salvador e faz reportagens sobre o Brasil há mais de 15 anos para veículos como Washington Post, New York Times, The Guardian e Financial Times.

Por fim, a deputada Rosa Neide e os deputados afirmam que “muito embora as autoridades tenham dado início às investigações apenas após forte pressão de organismos nacionais e internacionais, não se pode desconsiderar que se trata de possível crime de grande repercussão interna e internacional, o que justifica um acompanhamento mais amiúde da Câmara dos Deputados, até o completo esclarecimento dos fatos e encaminhamento das responsabilidades devidas”.

Clique aqui e leia o Requerimento na íntegra.

Volney Albano

Assessoria de Imprensa

Deputada Federal Professora Rosa Neide (PT-MT)

Tags:
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Olá, vamos conversar?